Fiéis celebraram no dia 2 de novembro, a Solenidade dos Fiéis Defuntos. Desde o século II, alguns cristãos rezavam pelos falecidos, visitando os túmulos dos mártires para rezar pelos que morreram. No século V, a Igreja dedicava um dia do ano para rezar por todos os mortos, pelos quais ninguém rezava e dos quais ninguém lembrava. Também o abade Odilo de Cluny, em 998, pedia aos monges que orassem pelos mortos. Desde o século XI os Papas Silvestre II (1009), João XVII (1009) e Leão IX (1015) obrigam a comunidade a dedicar um dia aos mortos. No século XIII esse dia anual passa a ser comemorado em 2 de novembro, porque 1 de novembro é a Festa de Todos os Santos.

Padre Vágner Apolinário SVD, falou que apesar da dificuldade de compreendermos a morte, a Solenidade dos Fieis Defuntos proporciona a igreja terrestre entrar em comunhão com a igreja do céu.

Solenidade dos Fiéis Defuntos