Uma manhã proveitosa e reflexiva! Esse foi o cenário na Assembleia do Clero da Região Episcopal Nossa Senhora da Esperança (RENSE), que aconteceu nesta quinta-feira, 30/03, no Recanto São José, bairro Cinquentenário/BH O bispo referencial para a RENSE, dom Joaquim Giovani Mol Guimarães, e o vigário episcopal, Frei Adilson Corrêa, conduziram o momento.

O encontro deu início com uma breve oração, em seguida, os padres que chegaram às paróquias da RENSE recentemente, entre eles, o nosso Pároco Alwin Dsouza, se apresentaram. Dom Mol deu as boas-vindas a todos e iniciou-se, então, a pauta da Assembleia.

O primeiro momento foi guiado por uma reflexão sobre a Carta do Papa Francisco aos Jovens, que fala da realidade dos jovens no mundo conteporâneo. O assunto foi abordado a partir de um resumo do Documento Preparatório para o Sínodo dos Bispos em 2018, cujo tema será: Os jovens, a fé e o discernimento vocacional.

De acordo com o Papa Francisco, em sua carta diz: “Em Cracóvia, na abertura da última Jornada Mundial da Juventude, pedi-vos muitas vezes: “As coisas podem mudar?”. E vós gritastes juntos um barulhento “sim”. Aquele grito nasce do vosso coração jovem que não suporta a injustiça e não pode inclinar-se à cultura do descarte, nem ceder à globalização da indiferença. Escutai aquele grito que sobe do vosso íntimo! Mesmo quando percebeis, como o profeta Jeremias, a inexperiência da vossa jovem idade, Deus vos encoraja para ir onde Ele vos envia: “Não tenhas medo (…), pois estou contigo para defender-te” (Jr 1,8).” Esse foi um instante de partilha da palavra e escuta durante a Assembleia.

Em um segundo momento foi apresentado a todos os presbíteros uma prévia do Plano Pastoral da Região Episcopal Nossa Senhora da Esperança, para os anos 2017 a 2020, seguindo os passos do Projeto de Evangelização Proclamar a Palavra, da Arquidiocese de Belo Horizonte.

Padre Joel Maria dos Santos, responsável pelo Vicariato Episcopal para a Ação Pastoral, integrante também do Clero da RENSE, destacou o novo momento vivido pelo Vicariato, as novas propostas e caminhos previstos para os próximos anos, e ressaltou a importância do desenvolvimento pastoral em cada paróquia, que enriquece todo o projeto da Arquidiocese de Belo Horizonte.

Ainda sobre os trabalhos pastorais na RENSE, foi comentado sobre a Missa da Esperança no que se refere à data, horário e local, que se realiza anualmente no mês de setembro, em uma paróquia da Região.

No último momento da Assembleia teve a palavra dom Walmor Oliveira de Azevedo, Arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte. Ele ressaltou um dos assuntos falados nesta manhã: o Projeto de Evangelização Proclamar a Palavra. Para ele “ao escolher um nome para esse projeto, nós não escolhemos um nome fantasia, escolhemos por ser fruto de uma 5ª Assembleia do Povo de Deus, por ser um horizonte para os dez eixos daquilo que fortalece a nossa caminhada. O Plano Pastoral significa apostar numa perspectiva de que a Igreja precisa entrar nela ainda mais, incisivamente.”

A Assembleia do Clero teve fim após uma oração e bênção, conduzidos por dom Walmor, que em seguida confraternizou junto aos presbíteros da RENSE.

(Por Janaína Gonçalves / Fotos: Pascom RENSE)