A Orquestra Jovem das Gerais realizará um apresentação na igreja Santíssima Trindade, no dia 28 de novembro, sábado ás 19:00 horas.  A apresentação da orquestra faz parte da confraternização pelos trabalhos pastorais e sociais realizados ao longo do ano. A igreja é localizada na rua São Mateus 16 bairro Tijuca Contagem Minas Gerais. A entrada será gratuita e aberta ao publico.

A ONG Orquestra Jovem das Gerais foi fundada em 1997 pelos musicos mineiros Renato Almeida e Rosiane Reis. A orquestra é uma iniciativa voltadahttp://www.fundamig.org.br/v1/wp-content/uploads/2015/07/ para o desenvolvimento humano por meio do acesso á arte, cultura e educação. Localizado na região metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais, o projeto oferece oficinas de instrumentos de cordas (violino, viola, violoncelo e contra baixo), sopros (flauta trasnversal,  fagote, oboé e clarinete) e percussão a crianças e jovens adolescentes de baixa renda e em situação de vulnerabilidade social.

A partir da educação musical a Orquestra Jovem das Gerais, busca a inserção destes jovens na sociedade despertando o  talento artístico e gerando oportunidades culturais e profissionais. Diante deste cenário o projeto pretende contribuir para a formação cidadã dos alunos e transformação da realidade e justiça social.

Atualmente o projeto atende 350 crianças e adolescentes, que além de aulas de música, contam com acompanhamento psicopedagógico. Desde a sua fundação já passaram 1600 alunos. A orquestra tem caráter permanente, ou seja, procura atualizar seu contato com a comunidade por meio de frequentes ações de sensibilização através de concertos e recitais. O projeto também estabelece parcerias com equipamentos sociais e culturais para a divulgação das oficinas, como associações e escolas publicas.

A orquestra Jovem das Gerais representa a importância do acesso democrático á arte e reconhece sua capacidade de unir os publicos mais diversos. É uma maneira de mostrar ao mundo o que a cultura mineira tem, sobretudo através  de ações que promovam a inclusão social, o combate a pobreza e os direitos da infância e da juventude

Resultados

Ao longo de 18 anos, o projeto Orquestra Jovem das Gerais tem contribuído de forma efetiva para a melhoria da realidade local alcançando resultados significativos:

  • 12 alunos atualmente na faixa etária de 16 a 20 anos, tornaram-se educadores do projeto
  • 15 ex-alunos cursaram graduação em musica
  • 35 jovens atuam profissionalmente como musicos.

Transformação Social

  • Melhoria nas relações sociais e familiares em 80% dos educandos.
  • 70% dos alunos apresentaram melhorias no desempenho escolar
  • Redução de 90% do envolvimento dos educandos com violência e marginalidade
  • Multiplicação do projeto para cidades de Belo Horizonte, Igarapé, Ibirité e Betim.

O projeto já realizou apresentações para cerca de 230 mil pessoas ao longo de 16 anos, são mais de 300 concertos no Brasil, média de 12 anuais, o que representa um publico de 6 mil pessoas por ano, além de 70 concertos internacionais realizados em diversos países europeus, neste ano eles já se apresentaram na Itália e na Espanha.

Apresentação da Orquestra Jovem das Gerais no Estados Unidos em 2013.

http://i.ytimg.com/vi/05B0QOuv8UI/

http://www.fundamig.org.br/v1/wp-content/uploads/2014/09/

Fonte Imprensa Orquestra Jovem das Gerais