Cidade do Vaticano (RV) – O dia 12 de fevereiro entrará para a História: será quando, pela primeira vez, os Primazes da Igreja católica e da Igreja ortodoxa russa se encontrarão em sinal de proximidade entre as duas Igrejas.

O encontro entre o Papa Francisco e o Patriarca Kirill de Moscou e todas as Rússias acontecerá no aeroporto internacional José Martí, em Havana, onde o Patriarca estará em visita oficial e onde o Papa fará uma escala antes de dar início à Viagem Apostólica ao México,  Ao final do colóquio, será assinada uma declaração comum.

patriarca russo

Em comunicado conjunto, nesta sexta-feira (05/02), a Santa Sé e o Patriarcado de Moscou “auspiciam que o encontro seja também um sinal de esperança para todos os homens de boa vontade e convidam todos os cristãos a rezar com fervor para que Deus abençoe este encontro para que possa produzir bons frutos”. (RB)Cidade do Vaticano (RV) – O dia 12 de fevereiro entrará para a História: será quando, pela primeira vez, os Primazes da Igreja católica e da Igreja ortodoxa russa se encontrarão em sinal de proximidade entre as duas Igrejas.
O encontro entre o Papa Francisco e o Patriarca Kirill de Moscou e todas as Rússias acontecerá no aeroporto internacional José Martí, em Havana, onde o Patriarca estará em visita oficial e onde o Papa fará uma escala antes de dar início à Viagem Apostólica ao México,  Ao final do colóquio, será assinada uma declaração comum.
Em comunicado conjunto, nesta sexta-feira (05/02), a Santa Sé e o Patriarcado de Moscou “auspiciam que o encontro seja também um sinal de esperança para todos os homens de boa vontade e convidam todos os cristãos a rezar com fervor para que Deus abençoe este encontro para que possa produzir bons frutos”. (RB)