Produzido pelo Observatório da Evangelização da Arquidiocese de BH, em parceria com VEASP, VEAP e PUC Minas (NESP e ANIMA), você poderá entender um pouco mais sobre o que são Políticas Públicas, para que servem e sua importância no que se refere à cidadania de cada pessoa do país.

Para dinamizar e animar a vivência da Campanha da Fraternidade de 2019, a Arquidiocese de Belo Horizonte – por meio dos Vicariatos Episcopais para a Ação Social e Política (VEASP) e para a Ação Pastoral (VEAP) – e a PUC Minas – por meio do Sistema Avançado de Formação (ANIMA), do Núcleo de Estudos Sociopolíticos (NESP) e do Observatório da Evangelização, produziu cinco vídeos que ajudarão a refletir sobre o desafiante tema das Políticas Públicas.

Esses vídeos destacam pontos importantes e necessários no que diz respeito às ações das Políticas Públicas, com um chamado ao compromisso transformador pela justiça social e pela luta por inclusão dos mais pobres e marginalizados.

A cada semana durante o período da quaresma, tempo litúrgico da Igreja Católica cujo início é na quarta-feira de cinzas (dia nacional da abertura da Campanha da Fraternidade), será divulgado pelos meios de comunicação da Arquidiocese e redes sociais digitais um vídeo dessa série de cinco.

O primeiro deles, com caráter institucional, será divulgado no dia 06 de março. O segundo vídeo, com uma abordagem direta e objetiva sobre o que são as políticas públicas, será amplamente divulgado na próxima sexta-feira, 08 de março, e os três últimos vídeos nas semanas seguintes, consecutivamente.

Ajude a compartilhar os vídeos. Eles são propostas de formação e construção de conhecimentos para um assunto tão necessário.

Ou Acesse cada um deles pelo link:

Vídeo 1 – Evangelização e Políticas Públicas:

Vídeo 2 – Políticas Públicas: o que elas são?:

https://www.youtube.com/watch?v=cJtEcY4oEyg&t=37s

Vídeo 3 – Políticas Públicas para todos?:

Vídeo 4 – Políticas Públicas e seguridade social: saúde, previdência e assistência:

Vídeo 5 – Políticas Públicas por uma sociedade de diferentes cidadãos: