No domingo, 15 de setembro, data em que a igreja celebra o dia de Nossa Senhora das Dores, será realizado na Igreja Nossa Senhora da Conceição, ás 19h30, a Consagração a Nossa Senhora segundo o tratado de Monfort. Serão 45 membros consagrados.

A devoção mariana sistematizada pelo Tratado tem como objetivo nos dispor a imitar a própria Santíssima Trindade, que quis Maria como cooperadora no plano da salvação. O perfeito devoto da Virgem Santíssima oferece tudo o que tem a Maria, para ela depois transmiti-lo ao Pai, numa corrente de graças que contribui para a nossa salvação e a salvação de nossos irmãos. Para isso, o Tratado propõe um itinerário de preparação para a consagração, a ser realizada numa data específica, de preferência numa festa mariana, na presença de um sacerdote, e renovada anualmente.

A consagração a Nossa Senhora ensinada por São Luís Maria Grignion de Montfort não diverge em nada das promessas e votos do batismo, pois consiste numa consagração total da pessoa à Santíssima Trindade pela mediação da Santíssima Virgem Maria: Assim, trata-se, efetivamente, de algo como uma atualização dos compromissos assumidos por todo cristão batizado, por meio das práticas interiores e exteriores da consagração (cf. n. 115-116, 213, 257).

Fonte Canção Nova