dom_orlando_aparecida

Poucos dias depois de o Santuário Nacional de Aparecida ser reconhecido como igreja catedral  através de um decreto do Papa Francisco que autorizou a transferência do título de Catedral Arquidiocesana de Aparecida da Igreja Santo Antônio, em Guaratinguetá-SP, para a chamada “Basílica Nova”, o Papa Francisco nomeia o novo Arcebispo de Aparecida (SP): trata-se de Dom Orlando Brandes, que até então estava à frente da Arquidiocese de Londrina (PR).

Trajetória Sacerdotal

 Dom Orlando Brandes tem 70 anos. Ele nasceu em 13 de abril de 1946 em Urubici, na diocese de Lages (Santa Catarina). Foi nomeado Bispo de Joinville (SC) em 1994 e em 2006 foi transferido para a Arquidiocese de Londrina. Foi Presidente da Comissão para a Vida e a Família da CNBB (2007-2011) e Delegado para a V Conferência do CELAM em Aparecida (2007).

Renuncia de Dom Raymundo Damasceno

O Pontífice aceitou a renúncia apresentada pelo Cardeal Raymundo Damasceno Assis, por limite de idade. Dom Raymundo guiou a Arquidiocese de Aparecida por 12 anos. Neste período, foi Presidente do Conselho Episcopal Latino-Americano (CELAM), da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), participou de quatro Sínodos no Vaticano e foi criado Cardeal pelo Papa Bento XVI. Participou ainda do conclave que elegeu o papa Francisco, sendo seu anfitrião por ocasião da visita do Pontífice a Aparecida em 2013.

Fonte: Radio Vaticano SVD SDEVA – Imagem: Canção Nova.